quarta-feira, 4 de março de 2009

Ainda que mal


Procurando inspiração para a matéria que comemora o Dia Internacional da Mulher, encontrei Drummond.

Apesar de adorar muita coisa dele, já discordei algumas vezes dos ditos. Aqui, mais uma vez, preciso dizer: ledo engano, sr. Drummond, quem ama nunca se dana.

Ainda que mal pergunte,
ainda que mal respondas;
ainda que mal te entenda,
ainda que mal repitas;
ainda que mal insista,
ainda que mal desculpes;
ainda que mal me exprima,
ainda que mal me julgues;
ainda que mal me mostre,
ainda que mal me vejas;
ainda que mal te encare,
ainda que mal te furtes;
ainda que mal te siga,
ainda que mal te voltes;
ainda que mal te ame,
ainda que mal o saibas;
ainda que mal te agarre,
ainda que mal te mates;
ainda assim te pergunto
e me queimando em teu seio,
me salvo e me dano: amor.

Um comentário:

Nanci disse...

Lindo!

Tava em dívida contigo e passei por aqui para me atualizar.

Olha, sábado tem o Luluzinha Camp, encontro de blogueiras na Vila Madalena - http://www.luluzinhacamp.com.br, das 10 as 18.

Taí uma oportunidade pra conhecer gente nova! Um beijo!!!